Contato: joaoregotk@hotmail.com -----68 99987-8418

Noticias da terrinha de TK

Sexta-feira (15) de Novembro de 2017, Dia amanheceu já prometendo muita chuva nas próximas horas. Bom feriado a todos.

segunda-feira, 6 de março de 2017

OBRA DE EX-MARQUETEIRO DE DORIA, CAMPANHA POR REFORMA DA PREVIDÊNCIA PREOCUPA PLANALTO

Depois de gerar polêmica nas redes sociais na semana passada, quando afirmou que “Se a reforma da Previdência não sair: tchau, Bolsa Família; adeus, Fies; sem novas estradas; acabam os programas sociais”, a campanha do PMDB para popularizar as mudanças na Previdência já preocupa o Planalto; tom da mensagem foi interpretado como ameaça; campanha tem o dedo do marqueteiro Lula Guimarães que já trabalhou para o prefeito de São Paulo, João Dória


Do Globo:

“Se a reforma da Previdência não sair: tchau, Bolsa Família; adeus, Fies; sem novas estradas; acabam os programas sociais”, diz o texto da imagem divulgada pelo PMDB.

Segundo um interlocutor próximo ao Planalto, embora o PMDB seja do partido do presidente Michel Temer, a questão deve ser vista separadamente, como uma iniciativa exclusiva do PMDB. A campanha, que soa como ameaça, gerou polêmica nas redes sociais.

— O governo vai continuar com a sua campanha “pé no chão”, convocando as sociedade à reflexão sobre a necessidade da reforma para manter o sistema de aposentadoria — diz a fonte.

No texto anexado à campanha, o PMDB alega que a reforma da Previdência é necessária para evitar que o Brasil se torne “um país sem o investimento mínimo necessário em saneamento básico; sem melhorias em estradas, portos e aeroportos e com cortes nos programas sociais fundamentais”.

A campanha do PMDB tem o dedo do marqueteiro Lula Guimarães que já trabalhou para o prefeito de São Paulo, João Dória. Apesar dos argumentos do governo de que a campanha do partido é de iniciativa própria, Lula e Daniel Braga, que também foi da equipe de Dória na área digital, já participaram de reunião no Planalto para debater estratégia de comunicação.
http://www.brasil247.com

Nenhum comentário: