Contato: joaoregotk@hotmail.com -----68 99987-8418

Noticias da terrinha de TK

Sexta-feira (15) de Novembro de 2017, Dia amanheceu já prometendo muita chuva nas próximas horas. Bom feriado a todos.

sábado, 8 de abril de 2017

Chapa esta pronta, o resto é jogo para platéia: Marcus é candidato em 2018

Os dirigentes do PT – só cito o PT, porque os demais partidos da FPA vêm por atração – já definiram as suas chapas para as disputas majoritárias. Aquela conversa que o “Conselho Político da FPA”, na verdade uma ficção, é quem decidirá é conversa para boi dormir. Quem decide é o PT. A não ser que aconteça algo de extraordinário até a eleição, o candidato a governador deverá ser o prefeito Marcus Alexandre (PT) e os candidatos ao Senado, o senador Jorge Viana (PT) e o deputado Ney Amorim (PT), os dois nomes mais fortes do partido para a disputa das duas cadeiras. Para o governo, pela primeira vez nas duas últimas décadas a oposição tem um nome extremamente forte e que caiu na graça da população, o do senador Gladson Cameli (PP). O nó na oposição é escolher os nomes dos dois candidatos ao Senado. Existem cinco postulantes e nenhum se inclina a abrir. Se saírem com três candidaturas é possível que o PT faça os dois senadores, porque neste caso os votos da oposição estarão pulverizados. Tudo até aqui são ilações. A situação nacional pode dar uma mexida no quadro.

Representa a gestão moderna
Em todas as pesquisas feitas o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), lidera na capital paulista a corrida para a presidência, deixando o restante no chinelo. E mesmo sem sair da sua cidade é bem citado em outros colégios eleitorais. O que embala o seu prestígio é a gestão moderna. Não cabe mais aquela coisa do compadrio atrasado do toma lá e me dá cá.

Não estaria aonde se encontra
Se o Brasil nas últimas duas décadas tivesse sido governado por presidentes com uma visão moderna de gestão não estaria no fundo do poço. Foi governado pelo atraso e deu no que deu. O tamanho do Estado tem que diminuir, não pode ser mais aquela coisa paternalista.

Dia do jornalista
Poucos colegas podem escrever de forma livre, defender idéias, fazer críticas, porque são censurados. O pior que pode acontecer para um profissional de imprensa é ficar escrevendo bajulações, lambendo as botas do poder, e só tecer elogios baratos. Este tipo de comportamento não ajuda a quem governa e acaba com a imagem de quem escreve. É o que posso dizer sobre o “Dia do Jornalista”. E a não ser dar alento para a nova geração que chega.

Quem fala assim não é gago
Ao defender uma auditoria nos gastos com a BR-364, o senador Gladson Cameli (PP) colocou os dirigentes do PT em xeque-mate, porque foi nos seus governos que ocorreu a construção.

Seguro morreu de velho
Não teve outro motivo, o governador Tião Viana dar um cargo de 19 mil reais para a Pastora Sandra Asfury, mulher do Jamil Asfury, a não ser o de evitar que levasse o PEN para a oposição.

Atropelado pela carreta do PT
Na última eleição o ex-deputado Edvaldo Sousa vinha numa campanha bem articulada, era tido como uma reeleição certa, mas na reta final foi atropelado pela máquina do PT, junto com os candidatos do PEN. Por isso, os deputados dos partidos nanicos, não esperem ajuda oficial.

Vai ser mais massacrante
Com a possibilidade de vir a ser derrotado na disputa do governo, os próprios petistas jogam com esta hipótese, o comando do PT vai jogar pesado para aumentar ainda mais sua bancada na Aleac, de cinco deputados. Nem que isso custe estraçalhar os aliados da FPA. É o jogo.

Com todo o respeito, a questão é jurídica
Tenho o maior respeito pela religiosidade, não sou radical neste ponto. Nada contra os camelôs fazerem um “Culto Evangélico” ao ar livre, clamando pela absolvição do vereador Carlos Juruna (PSL). Cada um com a sua fé. Mas a questão da sua prisão é só jurídica.

Bom mandato inicial
O vereador Emerson Jarude (PSL) vem fazendo um mandato inicial muito bom, na medida de que, suas posições são independentes e não estão à reboque do prefeito Marcus Alexandre, como os demais vereadores da FPA. Fica sempre com a liberdade de votar contra ou a favor de projetos. Assim deveriam ser todos os que ganham um mandato popular.

Cumprindo seu papel
Quando ataca o presidente Temer por cortar liberações de recursos ao Acre para as áreas de Segurança e de recuperação de ramais, o deputado federal Léo de Brito (PT) exerce a plenitude do seu mandato. É oposição. E tem que denunciar mesmo todas as injustiças.

Pouco mais de um ano
O sistema de segurança não está parado. Todo dia se noticia prisões de bandidos, armas, munições e drogas. Mas seu governo não fizer cortes em outras áreas para destinar á Segurança vai chegar ao fim do seu governo com este grande calcanhar de Aquiles.

Não a qualificação
A questão toda é que a pasta da Segurança não tem os recursos que deveriam ter, porque se trata de proteger vidas. Temos um secretário de Segurança qualificado e dedicado como o Emylson Farias, mas este não pode fazer milagre sem ter uma estrutura na secretaria.

Farto material
A CPI da BR-364 tende a ser muita polêmica e agitada, porque o deputado Luiz Gonzaga (PSDB) tem um farto material a respeito da obra e não vai entrar nos debates com o ouvi dizer.

Ouriçou ainda mais
O “carão” que o deputado Jairo Carvalho (PSD) deu nos vereadores do PSDB e PP da tribuna da Assembléia Legislativa só fez ouriçar ainda mais o ambiente belicoso com o prefeito de Senador Guiomard, André Maia, e a mesa diretora da Câmara Municipal. E foi um baita carão.

Só me causa diversão
Quando vejo comentários com críticas por a cúpula do PT decidir quem será o novo presidente do diretório regional do partido, me causa diversão. Quando foi que no PT a última batida do martelo não foi dada pela cúpula partidária? Aliás, isso ocorre sempre em todos os partidos.

Não mexe uma pedra
A pesquisa da DATA-CONTROL não será fator decisivo para um dos cinco candidatos ao Senado pela oposição desistir. Com todos que converso, eles garantem de que, levarão os seus nomes até o meado do próximo ano, quando já teremos várias rodadas de pesquisas realizadas.

Quadro grave
Internado na UTI do Hospital Sírio Libanes , é muito grave o estado de saúde do ex-deputado federal João Tota, uma pessoa extremamente generosa. Um grande anfitrião, um bom amigo. Rogamos pela sua melhora e nos unimos neste momento de oração à toda a sua família.

Regimento Interno caduco
Veio a calhar este projeto do deputado Daniel Zen (PT) para modificar o caduco Regimento Interno da Assembléia Legislativa. Em muitos pontos terá que se readequado ao momento.

Sempre do outro lado
O deputado Jonas Lima (PT), no seu estilo, tem sido um dos que mais defende os programas do governo na área rural. Mas quando se trata de disputa interna no PT, sempre fica do lado contrário ao do governador Tião Viana. Ficou contra a candidatura de Daniel Zen (PT) à presidência do diretório regional. Defendeu o nome do militante Cesário Braga.

Pegar o lula em cheio
Duda Mendonça aceitar fazer uma delação premiada na Lava-Jato, isso era tudo o que o ex-presidente Lula não esperava. Duda foi o marqueteiro de suas campanhas. Ninguém sabe mais o que acontece nos bastidores no campo financeiro que marqueteiro. O Duda, nem se fala!

Cada batida cresce mais
O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) está fazendo uma estratégia perfeita de campanha, buscando fatos para aparecer na mídia, ainda que de forma crítica. A questão é que suas teses, como a do fim da maioridade penal, é amplamente majoritária no Brasil, e ele tira proveito.

Muito movimento, muito debate, e polêmicas
Não esperam que as “CPI da SEHAB” e da “BR-364” venham a ser maçantes como foram outras CPIs que passaram pela Assembléia Legislativa, porque só pelos temas já são polêmicas por natureza. Nas duas estão previstas convocações de autoridades do governo, do município, ex-deputados, o que pode engrossar o caldo dos debates e das polêmicas. Ambas devem ser instaladas pela mesa diretora da Casa na próxima semana, amparadas numa decisão judicial que determinou que fossem criadas. É aguardar. É aquela coisa que já dizia o ex-deputado federal Ulisses Guimarães (PMDB) de que, CPI se sabe como começa, mas não se sabe como acaba. Mas só vai pegar fogo mesmo depois da Semana Santa. Até lá, muito Lexotan!

Luis Carlos Moreira Jorge - 08/04/2017 07:33:18

Nenhum comentário: