Contato: joaoregotk@hotmail.com -----68 99987-8418

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

A oposição erra ao discutir nomes e não projetos para o Acre em 2018

A credibilidade é essencial na política para o êxito eleitoral. Ainda mais num Estado que está sendo governado pelo mesmo grupo político há 18 anos. Essa longevidade no poder garantiu à FPA algumas conquistas sociais e também uma certa segurança relativa a alguns setores da gestão que influenciam os acreanos. Entre elas destaco um fator que seria uma simples obrigação, mas que no Acre tem um valor inestimável: o pagamento dos salários dos servidores em dia. A economia do Estado depende disso. E os governos petistas conseguiram ao longo desse tempo manter a folha paga. A disputa para o Governo passa por aspectos que tocam o inconsciente coletivo da população. Por isso, as candidaturas precisam conter uma certeza de que a possível mudança será segura. Se essa premissa não for atendida podem se preparar para a derrota. Ninguém vai querer trocar o certo pelo duvidoso. Mesmo que o atual Governo petista não agrade em vários outros setores e esteja naturalmente desgastado. É justamente por isso que a oposição começou novamente de maneira equivocada as suas articulações visando as eleições gerais. Se preocupam demasiadamente em debater nomes de candidatos. Desfecham uma batalha insana num jogo de personalidades e interesses pessoais que não são saudáveis ao processo de transformação social. Deveriam estar debatendo um projeto global para o Estado que passa não só pela escolha de um candidato ao Governo, mas por toda uma base política de sustentação com senadores, deputados federais e estaduais qualificados. Mais ainda: elaborar projetos para a saúde, educação e segurança. Como construir uma casa sem um alicerce bem estruturado? E o alicerce é justamente um projeto de gestão e transformação social que traga uma mensagem de confiança e credibilidade aos eleitores. Sem isso, estão debatendo como construir casas nas areias dos nossos rios amazônicos que na primeira cheia serão arrastadas pelas correntezas.

Nelson Liano Jr. - 09/02/2017 07:46:59

Nenhum comentário: