joaoregotk@hotmail.com

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Janot: Temer já fez uma confissão extrajudicial

Em documento apresentado ao Supremo Tribunal Federal, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu que o ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no STF, autorize o depoimento de Michel Temer no inquérito em que ele é investigado pelos crimes de corrupção, organização criminosa e obstrução da Justiça; Janot argumenta ao ministro Fachin que, ao confirmar diálogo gravado pelo empresário Joesley Batista, Temer acabou fazendo uma "confissão extrajudicial"; "As confissões espontâneas têm força para provar a existência da conversa e do seu conteúdo", diz trecho do documento de Janot, em que ele também pede que sejam marcados os depoimentos do senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) e do deputado afastado Rocha Loures (PMDB-PR); Temer, Aécio e Rocha Loures são investigados no mesmo inquérito

Nenhum comentário: